segunda-feira, janeiro 19, 2009

"The Wrestler"

Acho mal. Acabei de ver "The Wrestler" e fiquei com um amargo na boca: é por isto que o Mickey Rourke roubou o Globo ao Sean Penn?! Estou a exagerar? Talvez, mas não me conformo. Os senhores que deram o prémio a Rourke foram, na certa, comprados, porque se é certo que o senhor tem um bom desempenho (em pelo menos duas cenas conseguiu emocionar-me mesmo), daí até ser uma prestação a roçar o génio vai uma grande distância. Primeiro, porque o wrestling é feio, porco e mau. As cenas de brigas são de uma quase-violência exagerada, e o sangue que vai por aqueles corpos fora podia muito bem ter ficado dentro da garrafa de ketchup. Não há nem moral da história nem história na moral - durante duas horas vamos assistindo à queda do mito (?), sem que se passe alguma coisa que provoque uma acção a ser desenvolvida até ao final. Mastigamos pastilha elástica sem sabor, portanto. A história do filme é uma que já vi num outro qualquer, mas em pior. Por que é que esta gente não se convence que não é qualquer um que faz um touro enraivecido?

1 comentário:

Anny disse...

Eu gostei muito do filme The Wrestler mas sim, nem tem comparação possível com o Milk do Gus Van Sant e com a fabulosa interpretação do Sean Penn. Há muito que os Globos de Ouro e os Óscares perderam a credibilidade.