terça-feira, novembro 27, 2007

Monte sem vendavais

Qualquer semelhança entre a imagem de cima e esta que aqui assina não é pura coincidência. Eu sou a criança que fica atrás, quieta, estática, a ver o tempo passar; o mundo é o puto que sobe lua acima, sem medo da corta se partir, à procura de todos os sonhos. Para os agarrar em mãos e os tornar vida.

3 comentários:

Cidadão do Mundo disse...

“Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive já morreu."
Erico Verissimo

nika_liu disse...

Algum dia vais ser a menina que corre atrás do sonho para lhe dizeres que se torne realidade!

criptog disse...

Look closer ... you're both!