quinta-feira, setembro 28, 2006

Bocage e eu

A escassos meses dos 25, não sei nada de mim. Despedi-me, sofri por ter saído, fiquei feliz por ter saído, não sei para onde olhar porque não sei o que quero ver, a minha avó apaga-se a cada dia num lar que não é a casa dela porque nunca foi. Recupero o tempo perdido, vou fazendo umas coisas, estou feliz, note-se, estou feliz, mas acho que este é exactamente o estado de quem há muito se perdeu de si. Fica-se inconscientemente inconsciente de nós e do que está à nossa volta.
Daqui a uns meses 1/4 de século e se me perguntarem quem sou respondo como o Bocage à saída do café Nicola, quando lhe apontaram uma pistola: "Sou o poeta Bocage, venho do Nicola, e se disparares essa arma vou para outro mundo." Tão simples quanto isso.

8 comentários:

Anónimo disse...

Ele respondeu com uma rima...ou não seria o poeta Bocage. "Quem sois, de onde vens e para onde vais" "Sou o poeta Bocage, venho do café Nicola, e vou para o outro mundo se disparas a pistola"

Tigas disse...

Tu deves responder:

Sou a Miss K.,
Venho de casa.
Se me dás uma sapa,
dá-a já...ou baza!

Força Miss K! Good things come to those who wait!

R. disse...

Precisamente o que ia dizer "anonymous".

Mir disse...

Começo a convencer-me que quanto mais o tempo passa menos sabemos de nós...complicamo-nos, em suma, apesar de não ganharmos nada com isso.

MysterOn disse...

- Hey, what time is it?
- Show time!!

Let the show begin...make it the turning point. From now on everything will start rolling!

Não sabes para onde vais, mas isso também não interessa, o que interesa é ires...O caminho será percorrido, por ti, pelo tempo e por nós que aqui vamos espreitando a o andar da carruagem!

Stay Cool ;) - A seu tempo we will say/sing happybir...

Kiss for the Miss

Pedro Machado Borges disse...

ES LINDA !nao te conheco quase nada mas--- ADORO TE :P :D
beijinhos minha querida amiga :P
olha acrescentei o teu blog ao meu
http://fasesefrases.blogspot.com
*

nika_liu disse...

Tu és tu! Podes não saber por enquanto para onde te diriges...só precisas sair do estado de dormência em que te encontras para te encontrares realmente! Sim é fácil falar e nem sempre é fácil fazer! Talvez nem mesmo quando chegares ao meio século ainda faças as mesmas perguntas! Não sei, nunca pode haver certezas de nada! Uma certeza é que tu és tu e não outro, com as tuas qualidades e defeitos e vontades! E só tu as podes realizar, ainda que sejam inúmeros os obstáculos! Mas para uma pessoa que elogia tanto a vida tens de a viver e não ser vivida! E como todos os momentos mais complicados, também este vai passar! Eventualmente...
Nos entretantos, se precisares de alguma coisa, sem ser um emprego, (que nisso sinceramente não te posso mesmo ajudar)podes estar a vontade! Bejocas e agora sou eu que digo: não me desiludas!!
Beijocas

MysterOn disse...

...Só mesmo para acrescentar ao meu comment:
A Nika_liu tem razão ao afirmar que elogia tanto a vida tem mas é de desfrutar da mesma, em todos os aspectos. Aprendendo e crescendo com os momentos menos bons, saboreando e curtindo ao máximo os momentos bons!!!
Nika, ela não vai deiludir!

Já sabes, se precisares de alguma coisa...Compra!
Brincadeirinha...é só avisares que pelo que já percebi terás um pelotão ao teu dispôr!

Beijos e bom fim de semana ;)